segunda-feira, 21 de setembro de 2015

Sobre encontros... com os boys. Dicas!


Quem nunca tomou coragem de ir encontrar aquele boy que conheceu em sites ou aplicativos de relacionamento?
Não importa a motivação. Um grande amor, o que rolar, um beijo ou algo a mais, Existem cuidados que precisam ser seguidos.
Não sou nenhuma Expert no assunto, mas vivi minhas experiências. Por isso, criei 10 regras de primeiro encontro:

  1. Se tudo não for mentira, alguma coisa é. Eles sempre vão mentir sobre alguma coisa ou sobre tudo. Então tenha sempre um pezinho atrás. Na dúvida, joga o nome dele no Google.
  2. Cinema pode não ser uma boa opção para o primeiro encontro. Você pode amar o boy no primeiro olhar mas também pode descobrir que as fotos enganavam um pouco. Por educação você pode até decidir continuar com o encontro, e estar dentro de um cinema com alguèm que não gostou pode ser um pesadelo. Melhor um lugar onde vocês possam conversar e se conhecer.
  3. Escolha lugares públicos, de fácil acesso e com rota de fuga. Restaurantes e bares perto de casa. Se a conversa for boa o que acontece depois não é da minha conta. Se não for, pelo menos comeu e bebeu bem. 
  4. Não deixe o boy te buscar em casa no primeiro encontro, depois, tudo certo. Imagine que o encontro não foi o que você esperava e agora ele sabe até onde você mora. Cuidado!
  5. Pra fugir, é só pegar a sua bolsa e dizer que vai ao banheiro. Adeus!
  6. Deixar ele pagar a conta é um gentileza dele pra você. E daí se você é rica e independente!
  7. Conte para alguém de sua confiança que você vai conhecer um boy novo e lugar do encontro.
  8. Não use batom vermelho! Na maquiagem, invista em olhos poderosos. Ninguém quer chegar em casa com batom na orelha.
  9. No look, seja você! Deixe a impressão que você se preparou para aquele momento especial.
  10. Se você não costuma beber ou não sabe beber, não beba. Embriagada, pode ser que seus critérios de seleção fiquem alterados. Aí o que você achou maravilhoso hoje pode não ser fantástico amanhã.
Se tudo der certo, divirta-se! 
Vai que vira amor... ou não...e daí...ou tanto faz...

Nenhum comentário:

Postar um comentário